Cidades e vilas

 

Ao longo dos últimos anos, as nossas localidades, e os respetivos centros, foram assistindo a uma degradação progressiva das estruturas urbanas, dos edifícios, espaços públicos e zonas comerciais.

Porque é urgente contrariar este fenómeno, o Município de Loures está a empreender uma estratégia de regeneração urbana, através do desenvolvimento de processos de revitalização, racionalizando recursos e atuando nos domínios do espaço público, edificado, economia, património, cultura e ação social.

 

No Município de Loures deu-se início a este projeto nas localidades de Camarate, Loures, Moscavide e Sacavém.

 

Conservar, modernizar, remodelar e beneficiar são as linhas mestras da nossa intervenção. Mas, e porque um projeto de revitalização se faz com as pessoas e para as pessoas, estamos também a desenvolver uma intervenção nas áreas do ordenamento do território e da coesão social.

Cidade de Loures

Com esta intervenção, pretende-se:

 

 Conferir à Rua da República um caráter de eixo principal da cidade, tornando-a numa via de sentido único, alargando as áreas pedonais, criando zonas de estadia, e ainda regrando o estacionamento automóvel e a publicidade;

 

Adaptar o eixo que engloba a Avenida Major Rosa Bastos, Rua Barbosa de Resende, Avenida Dr. António Carvalho de Figueiredo, Rua Frederico Tarré, Rua Antero de Quental e Rua de Olivença a via de sentido único, desenhando uma nova faixa de sinalética viária no pavimento;

 

Criar uma via alargada, de modo a permitir a passagem de veículos em marcha de emergência;

 

Favorecer a circulação pedonal e criar espaços para o surgimento de esplanadas e passeios mais largos, permitindo aumentar o potencial comercial das lojas;

 

 Criar uma faixa de pavimento mais confortável, promovendo a acessibilidade nas zonas de maior circulação pedonal;

 

Incentivar e facilitar a reabilitação de edifícios devolutos ou desocupados;

 

Potenciar e qualificar o comércio local;

 

Substituir os contentores existentes na Rua da República, por um sistema subterrâneo.

Vila de Camarate

Com esta intervenção, pretende-se:

 

Definir uma centralidade em Camarate a partir do seu eixo principal de comércio – a Rua Avelino Salgado de Oliveira e a Rua Guilherme Gomes Fernandes – alargando as áreas de circulação pedonal, nomeadamente no passeio junto à galeria comercial, de modo a aumentar o potencial das lojas;

 

Reduzir a largura dos eixos viários, de modo a promover o abrandamento do trânsito;

 

Permitir uma melhor acessibilidade nas zonas de maior circulação pedonal, através da criação de uma faixa de pavimento mais confortável;

 

Incentivar e facilitar a reabilitação de edifícios devolutos ou desocupados;

 

Potenciar e qualificar o comércio local;

 

Substituir os contentores existentes, por contentores subterrâneos.

Vila de Moscavide

Com esta intervenção, pretende-se:

 

Diminuir a velocidade do trânsito automóvel, através da redefinição do perfil de rua;

 

Promover a circulação do peão e dos transportes públicos no centro da vila;

 

Favorecer a circulação pedonal e criar espaços para o surgimento de esplanadas e passeios mais largos, permitindo aumentar o potencial comercial das lojas;

 

Promover uma circulação automóvel mais lenta, nas zonas com maior permanência e atravessamento de peões, nomeadamente na entrada da Avenida e junto à paragem de autocarros;

 

Permitir melhor acessibilidade, através da criação de uma faixa de pavimento mais confortável;

 

Potenciar o uso da bicicleta, criando marcações na via, para alertar os automobilistas da via partilhada;

 

Criar locais de permanência ao longo da Avenida, através da colocação de floreiras que servirão como bancos;

 

Remover o posto de transformação existente, de forma a criar um espaço de permanência e estadia para a população;

 

Incentivar e facilitar a reabilitação de edifícios devolutos ou desocupados.

Cidade de Sacavém

Em Sacavém, o projeto (em elaboração) visa:

 

Criar uma identidade, que transmita a história e o orgulho dos sacavenenses na sua cidade;

 

Dinamizar e modernizar o espaço público, reaproximando e orientando as pessoas para o centro histórico;

 

Implementar um “espaço âncora” no centro da cidade, através da criação do Serviço de Informação Municipal a funcionar nas antigas instalações do Mercado de Sacavém.

800 100 107

(chamada gratuita, disponível das 9:00 às 18:00)

 

 

revitalizacao_urbana@cm-loures.pt

Loures

Um concelho para o nosso tempo